Desafio de Incubação e Aceleração de Impacto anuncia vencedores 2017

As cinco incubadoras e aceleradoras premiadas na 2ª edição do Desafio de  Incubação e Aceleração de Impacto – uma instituição de cada região do Brasil – foram anunciadas no dia 26 de julho, em São Paulo.

Elas foram selecionadas entre as 10 finalistas dessa segunda edição do Programa, que recebeu, no total, 42 inscrições, com representantes de 17 estados de todas as regiões do país. Das 41 instituições consideradas elegíveis, 35 participaram do workshop, realizado em Brasília (DF), em dezembro de 2016, primeira etapa da capacitação. Em maio do mesmo ano, os participantes começaram a montar seus planos de ação com o apoio de um time de consultores, demonstrando como pretendiam atuar de forma estratégica para apoiar negócios de impacto. Entre as 26 instituições que apresentaram seus planos de ação, foram selecionadas as 10 finalistas e posteriormente, as 05 premiadas.

Conheça as vencedoras da rodada:

Região Estado Incubadora/Aceleradora
Norte Pará Programa de Incubação de Empresas de Base Tecnológica da UFPA + Fundação de Ciência e Tecnologia Guamá
Nordeste Paraíba ITCG – Incubadora Tecnológica de Empreendimentos Criativos e Inovadores
Centro-Oeste Mato Grosso Arca Multincubadora
Sudeste São Paulo A Banca Produtora Cultural Social de Impacto
Sul Rio Grande do Sul IEITEC – Instituto Empresarial de Incubação e Inovação Tecnológica

“Todas as incubadoras e aceleradoras passaram por um processo árduo e difícil de formação, de seis meses. As 10 finalistas que estão aqui, esperando o resultado final, já são vencedoras. Todas entregaram planos de ação muito consistentes que, temos certeza, darão origem a negócios fortes em diferentes regiões do Brasil”, afirmou Fernanda Bombardi, gerente executiva do ICE.

O Programa de Incubação e Aceleração de Impacto é fruto de uma parceria entre o Instituto de Cidadania Empresarial (ICE), a Anprotec – Associação Nacional de Entidades Promotoras de Empreendimentos Inovadores e o Sebrae – Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas. Tem o objetivo de mobilizar aceleradoras e incubadoras de todo Brasil para incluírem ou ampliarem a atuação com negócios de impacto social. Cada uma das cinco selecionadas receberá um prêmio de R$ 25 mil, além de mentoria dos associados do ICE e vouchers de serviços do Sebrae para os negócios de impacto apoiados por eles.

Escolha das premiadas
Cada representante de Incubadora/Aceleradora finalista teve cinco minutos para fazer sua apresentação, defender o seu modelo de negócio, apresentar a equipe e expor o plano de trabalho para uma banca de especialistas. Na sequência, dez minutos para perguntas. Foi  um painel de ideias criativas e de projetos diversificados que abordaram de economia solidária a desenvolvimento local, de produção cultural em vários formatos, até projetos de base tecnológica, entre outras vertentes. A banca foi formada por Aline Alvarenga (Fundação Telefonica), Adriana Barbosa (Feira Preta), Fábio Deboni (Instituto Sabin), Valdemar Costa Neto (WTT) e Gideão Martins Claro (Parque Tecnológico de Itaipu).

Finalistas do Programa de I&A 2017

Região Norte
AM – AmIC – Incubadora Amazonas Indígena Criativa
PA – Programa de Incubação de Empresas de Base Tecnológica da UFPA + Fundação de Ciência e Tecnologia Guamá

Centro-Oeste
DF- Incubadora de Empresas de Base Tecnológica do Programa Multincubadora de Empresas do CDT/UnB
MT- Arca Multincubadora

Região Nordeste
PB – ITCG – Incubadora Tecnológica de Empreendimentos Criativos e Inovadores
PE – Programa de Fortalecimento de Negócios de Impacto Social da Anpecom

Região Sudeste
MG – Techmall S.A.
SP – A Banca Produtora Cultural Social de Impacto

Região Sul
RS – Ieitec – Instituto Empresarial de Incubação e Inovação Tecnológica
SC – Celta – Centro Empresarial para Laboração de Tecnologias Avançadas

Deixe um comentário

Seu email não será publicado.