Notícias

Notícias

Inscrições para o Prêmio Boas Práticas na Academia vão até 22 de março

Iniciativa visa descobrir novidades na formação de novos profissionais vocacionados para atuar em  investimentos e negócios de impacto.

Mapear e reconhecer atividades de ensino e extensão que estão contribuindo  para a inserção das temáticas relacionadas aos Investimentos e Negócios de Impacto nas Instituições de Ensino Superior (IES) de todo o país. Esse é o objetivo do Prêmio Boas Práticas na Academia.

Uma realização de ponteAponte; Aliança pelos Investimentos e Negócios de Impacto, em parceria com Instituto de Cidadania Empresarial (ICE); Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID), por meio do BID-LAB; Britsh Council; Instituto Humanize; e Itaú, a iniciativa é voltada a cursos de graduação das mais diversas áreas. Os parceiros desejam assim contribuir para a formação teórica e prática dos estudantes e seu engajamento como novos profissionais no ecossistema de impacto.

Juliana Rodrigues, consultora do Prêmio, ressalta a atuação da Aliança pelos Investimentos e Negócios de Impacto nos últimos anos em parceria com diversos atores do ecossistema de impacto a fim de mapear ações, temas e públicos prioritários para o fortalecimento dessa agenda no Brasil.

“Entre as recomendações formuladas pela Aliança em 2015, as Instituições de Ensino Superior (IES) aparecem como um ator estratégico para a construção de conhecimento, disseminação do tema e para a formação de pessoas que possam atuar com uma nova realidade”, explica.

A consultora acrescenta ainda o potencial da iniciativa de inspirar práticas e fomentar o campo em sua diversidade de temas. “Percebemos que há vários professores realizando ações muito diferentes e interessantes por todo Brasil, para além da rede mobilizada pelo Programa Academia ICE. Tem muita coisa acontecendo em temas variados como mensuração e avaliação, modelagem de negócios e outros que fomentam essa agenda. Mapeando e reconhecendo as iniciativas, queremos contribuir para a formação de novos profissionais e inspirar outras práticas, fomentando o ecossistema como um todo.”

 

Público e critérios de elegibilidade

Podem participar do Prêmio docentes de cursos de graduação das mais diversas áreas de IES públicas e privadas de todo o país.

Entre os critérios para a elegibilidade das propostas estão: iniciativa de ensino ou extensão relacionada ao campo de investimentos e negócios de impacto; inscrição realizada pelo docente responsável; docente vinculado a curso de graduação reconhecido pelo Ministério da Educação; iniciativa implementada até dezembro de 2019, podendo ou não estar em vigor em 2020; e participação de alunos de graduação da Instituição de Ensino Superior.

Para a seleção serão avaliados: Objetivos de aprendizagem, Abordagem teórico-prática, Integração com o Contexto Social e Articulação de redes internas e externas.

 

Etapas e premiação

A primeira etapa do processo seletivo consistirá na avaliação dos formulários simplificados preenchidos durante a etapa de inscrições. Na segunda etapa, serão avaliados os formulários mais completos (requeridos aos projetos selecionados na primeira etapa) e solicitados documentos que comprovem o vínculo do docente com a universidade, bem como a aprovação desta para a participação. Se necessário, nessa etapa também serão realizadas entrevistas por telefone ou por meio virtual. Para a última fase, serão selecionados até 15 projetos, que passarão pela avaliação de um júri multissetorial.

Serão premiadas até cinco iniciativas, preferencialmente uma por região do país. ​A lista de vencedores será divulgada no site do Prêmio Boas Práticas na Academia no dia 14 de junho de 2020. Finalistas e vencedores serão convidados a participar do Fórum de Investimentos e Negócios de Impacto, a ser realizado em São Paulo (SP) nos dias 30 de junho e 1º de julho e a divulgação das práticas vencedoras ocorrerá durante o Encontro Nacional do Programa Academia ICE.

Cada vencedor receberá o valor de R$ 1 mil. As iniciativas premiadas terão ampla divulgação em nível nacional, por meio de uma publicação disponibilizada online gratuitamente e encontros virtuais. Aos vencedores também será concedido o ingresso ao Fórum e participação no Encontro Nacional, incluindo eventuais custos de transporte e hospedagem.

 

Inscrições

As inscrições devem ser feitas no site do Prêmio até 22 de março. Cada docente pode inscrever até três iniciativas, porém cada IES pode inscrever quantos projetos desejar.

Mais informações sobre o Prêmio Boas Práticas na Academia podem ser encontradas no regulamento, localizado no site da iniciativa.

 



ICE – Instituto de Cidadania Empresarial